As dificuldades da amamentação

Muitos são os textos, artigos de opinião ou documentos que nos falam das vantagens do aleitamento materno. Mas na hora de amamentar surgem diversos obstáculos com os quais nos deparamos e que temos dificuldade em ultrapassar. Para esses ninguém nos alerta. Amamentar é um momento único e maravilhoso, mas para chegar a essa fase pode ser necessário passar por algumas tormentas. São 3 as fases que se podem tornar particularmente difíceis: o regresso a casa, a “subida” do leite e o regresso ao trabalho. Sem falar das gretas e fissuras dos mamilos, bloqueio dos ductos e mastites.

Quando regressamos a casa, por mais aulas de preparação para o parto a que tenhamos assistido surgem dúvidas, novas realidades e sentimo-nos desemparadas pois deixamos de ter um profissional de saúde 24 horas por dia connosco. Por mais bem preparados que estejamos sentimos sempre algumas inseguranças. Será que vou conseguir amamentar? O meu leite é bom para o meu bebé? Será que tenho leite suficiente? O leite sai? O bebé gosta do seu sabor? O bebé estará a engordar? E rapidamente somos assoberbados pelas avós, familiares e amigos que tudo sabem sobre a amamentação e que têm sempre uma palavra a dizer e um conselho para dar. Dá-se a subida do leite, e as mamas ficam duras e o leite custa mais a sair. E agora? O que faço? O bebé chora e o leite não sai.

Mais tarde, aquando do regresso ao trabalho, não sei se vou conseguir extrair o leite com a bomba. Será que o meu bebé vai deixar de mamar? Como é que posso fazer para continuar a amamentar?

É necessário muita coragem, empenho e força de vontade para ultrapassar todas estas fases. Por outro lado, a ajuda do companheiro é fundamental em todo este processo. Os 3 são uma equipa em que cada um tem a sua tarefa bem definida.

A mãe é o comandante responsável pela produção do leite, o pai o ajudante para supervisionar uma boa pega e relaxar a mãe para a libertação de ocitocina (para a saída do leite) e o bebé é o soldado que tem de fazer a pega correta para extrair o leite. Todos têm uma tarefa e são importantes para ocorrer o processo de amamentação.

É por tudo isto, que estamos lá para si. Para a ajudar a ultrapassar as suas dúvidas, incertezas, inseguranças e receios. Para a ajudar a encontrar a resposta adequada às suas dificuldades. A qualquer hora, pois os bebés não mamam só de dia e as noites são muito longas. Para a ouvir e não a julgar. Somos uma equipa que trabalha para si e por si. Contacte-nos.

Leave a Comment